CENTRAL NACIONAL DE VENDAS: 4020-3852 (disque a partir da sua cidade)
CENTRAL DE ATENDIMENTO AO CONVENIADO: 4007-2851

Cremação de corpos, quanto custa e como funciona?

A cremação de corpos é um procedimento ecologicamente correto e rentável. Confira preços e procedimentos

Cremação de corpos, quanto custa e como funciona?

Quanto custa a cremação?

A cremação de corpos tem um preço variável, em São Paulo, uma cremação pode chegar até uma faixa de R$ 21.163,08, tudo muda de acordo com o escolhido pelo cliente, como exemplo a qualidade da urna, o serviço escolhido para o traslado do corpo e, até mesmo o tipo de flor escolhida para o momento da despedida.

De acordo com a Prefeitura de São Paulo, o número de pessoas que procuram pela cremação praticamente dobrou no Estado.

Este aumento significante se dá pela questão da economia, pois com a cremação, a família fica isenta de pagar as taxas para manutenção do jazigo.

Em outros estados como Curitiba por exemplo, algumas empresas prestam o serviço de cremação nos municípios de Pinhais, Campo Grande do Sul e Campo Largo.

Os valores variam de acordo com os itens escolhidos para a cerimônia de cremação.

Como funciona a cremação de corpos

O primeiro passo para quem deseja ser cremado é declarar essa vontade em vida, assinando um documento de Declaração de Vontade que deve ser lavrado em cartório. Só assim, a pessoa terá o seu último desejo assegurado.

Casos em que o falecido não assine o termo, somente os familiares de primeiro grau é que poderão autorizar o procedimento, do contrário, a cremação não pode ser realizada.

Após o atestado de óbito assinado por dois médicos legistas e a liberação dos familiares de primeiro grau, o corpo é encaminhado para uma sala de refrigeração onde permanece por um período de 24 horas.

Durante esse período em que o corpo fica refrigerado, os familiares e a policia possuem total autonomia para requisitarem o corpo de volta, principalmente em casos de mortes violentas, como assassinato.

O velório

Após esse período, o corpo é preparado para a cerimônia de despedida. O procedimento é o mesmo em relação ao velório normal em que o falecido recebe roupas adequadas e é colocado em um caixão. Alguns casos reque alguns procedimentos mais especificos, como a tanatopraxia.

Na cremação, o caixão não possui metais nas laterais. Essa medida é tomada para evitar que durante a queima, a parte de metal do caixão libere uma fumaça tóxica, preservando assim o meio ambiente.

Após a preparação do corpo, o caixão é direcionado para a sala de cerimônia. Na cremação de corpos, a cerimônia costuma ser mais objetiva, destinando aos familiares uma média de 15 a 20 minutos.

Alguns colocam no ambiente músicas que a pessoa falecida gostava, outros têm o costume de passar um filme sobre a trajetória de vida do ente querido.

Após a cerimônia, o corpo é reduzido para baixo por meio de um elevador, aonde será encaminhado para o forno crematório.

Feito isto, o caixão é submetido a uma temperatura de até 1.200 ºC. A temperatura faz com que o caixão de madeira, as roupas e o corpo comecem a evaporar.

O tempo médio para a cremação dura cerca de duas horas, no entanto, deve-se levar em consideração o peso do falecido.

Finalizando o processo

Com a finalização do processo de cremação, restam apenas partículas inorgânicas que não são consumidas pelo fogo, como os óxidos de cálcio, responsáveis pela formação dos ossos.

Esses restos são depositados em uma espécie de moinho que tritura os ossos com bolas de metal até que eles se tornem cinzas.

O processo de trituração dos ossos dura uma média de 25 minutos, depois disso as cinzas são colocadas em um saquinho e entregue às famílias, que por sua vez adquirem uma urna para decidirem qual destino dar as cinzas do ente querido.

Veja modelos de urnas em Urnas para Cinzas em www.urnaparacinzas.com.br

Destino das cinzas

Com as cinzas em mãos, surge uma dúvida muito comum as famílias: o que fazer com elas? Existem diversas opções sobre qual destino dar às cinzas do ente querido.

Muitas famílias optam por depositar as cinzas em uma Urna Biodegradável e posteriormente enterrá-la para que as cinzas se transformem em uma linda árvore.

Outros optam por jogá-las ao mar, depositar em um jardim ou mesmo deixar na igreja, tendo sempre como objetivo honrar a memória daquela pessoa que tanto acrescentou em suas vidas.

A igrreja Católica também dispõe de um rito para com as cinzas os fiéis que optarem pela cremção. Recentemente, o Vaticano apresentou uma nova cerimônia para entrega das cinzas, defendendo também que este é omelhor procedimento, com menos poluente e de conservação ao meio ambiente .

Agora que você já sabe como funciona e quanto custa à cremação, deve estar se perguntando se existe algum plano que possa unir: conforto, qualidade e valor acessível em um só lugar.

Você já ouviu falar no Plano Funerário Familiar? É um dos planos mais completos e abrangentes com atendimento em todo território nacional.

Com parcelas acessíveis, a escolha pelo sepultamento ou cremação fica por conta da família.

O plano não possui taxa de adesão e nem carência para mortes acidentais ou violentas.

 



Você deseja conhecer nossos planos? Preencha o formulário abaixo!

informe um email válido
informe um telefone válido

DEPOIMENTOS

Nossos clientes falam por nós: somos reconhecidos pela excelência no atendimento e prestação de serviços de forma humanizada.

Ver todos os depoimentos

NOSSOS PARCEIROS

Conheça nossa ampla rede credenciada em todo o Brasil.

Logo Carregamento